Evans toma liderança de Vergne e vence eP de Jacarta na Fórmula E – Notícia de Fórmula E – Grande Prêmio – OPINIÃO E NOTÍCIA

Autor(a):

imagem04-06-2022-09-06-04

FÓRMULA E FECHA METADE DA TEMPORADA COM BRIGA ACESA PELO TÍTULO EM 2022

Depois de tanto tempo de espera — e vontade —, a Fórmula E enfim estreou em Jacarta. E a vitória da primeira corrida da história da categoria na Indonésia ficou com Mitch Evans, da Jaguar, que tomou a primeira posição do então líder Jean-Éric Vergne já na reta final da disputa e não deu mais chances ao francês para se tornar o primeiro piloto a conseguir vencer três vezes na temporada 2021/2022. O piloto da DS Techeetah chegou em segundo, com Edoardo Mortara completando o pódio.

A estreia da Fórmula E na Indonésia trouxe uma corrida bastante movimentada, e as estratégias variaram bastante entre os primeiros colocados em relação às duas ativações do modo de ataque. Evans acabou levando a melhor e se colocou em posição favorável no fim da corrida, o suficiente para deixar Vergne para trás e cruzar a linha de chegada na primeira posição.

A próxima etapa da Fórmula E, agora, levará quase um mês. No dia 2 de julho, a categoria retorna para a décima etapa da temporada com o eP de Marrakech, no Marrocos, antes das três rodadas duplas finais que vão decidir o campeonato.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

FE 2022, eP de Jacarta, Indonésia, sábado,Ancol sediou o primeiro eP de Jacarta da história da Fórmula E (Foto: Fórmula E)

imagem04-06-2022-09-06-05

Paddockast #150: Pérez pode ser campeão da F1 2022? Como fazer para bater Verstappen?

Confira como foi o eP de Jacarta:

O pole Vergne largou bem e evitou qualquer ameaça à primeira posição, enquanto Da Costa acabou contestado por Evans mas manteve o segundo lugar. A briga foi mais intensa no meio do pelotão, e o líder do campeonato, Stoffel Vandoorne, ganhou a posição de Sébastien Buemi e assumiu o sexto posto. No entanto, o bicampeão retomou a sexta colocação logo em seguida.

Pascal Wehrlein foi o piloto que saiu com maior vantagem da primeira volta, já que ganhou três posições em relação à largada. Lá atrás, Antonio Giovinazzi se envolveu em disputa direta com o companheiro Sérgio Sette Câmara e levou a pior — rodou na pista e teve que recuperar terreno em relação ao resto do pelotão.

Logo na segunda volta, o primeiro incidente: Oliver Rowland abandonou a corrida e causou a entrada do safety-car, que deixou o traçado apenas dois giros depois. Na relargada, os pilotos não tentaram tomar posições e os postos se mantiveram. Duas curvas depois, entretanto, Evans tangenciou melhor e deixou Da Costa para trás, assumindo o segundo lugar.

Neste momento, o top-10 tinha Vergne, Evans, Da Costa, Mortara, Dennis, Buemi, Vandoorne, Wehrlein, De Vries e Lotterer, nessa ordem.

FE 2022, eP de Jacarta, Indonésia, sábado, Mahindra, Oliver Rowland,O acidente de Oliver Rowland (Foto: Reprodução)

Na briga para entrar na zona de pontuação, Lucas Di Grassi foi para cima de Lotterer e tomou o décimo lugar do piloto da Porsche. No fundo do grid, os últimos colocados estrearam a ativação do modo de ataque — duas voltas antes do líder Vergne optar pelo mesmo, deixando a liderança momentaneamente com Mitch Evans.

No giro seguinte, o neozelandês da Jaguar também foi em direção ao traçado externo e ativou a potência extra, devolvendo o primeiro lugar ao francês da DS Techeetah. Com várias ativações do modo de ataque entre os cinco primeiros, Mortara foi o último a fazer uso do artifício e conseguiu se colocar na segunda posição antes de ir à zona de ativação e cair para o quarto lugar.

Quem se deu bem foi Mitch Evans, que duelou diretamente com Da Costa pelo terceiro lugar — ambos com o modo de ataque ativado — e sustentou a pressão do piloto da DS Techeetah para ganhar a posição. O português foi o primeiro a ‘queimar’ seu segundo modo de ataque, na 14ª volta, e acabou caindo para o quinto lugar.

Mortara colocou o plano da Venturi em prática após enfim parar no modo de ataque durante a volta 15 e caiu de segundo para quarto. No entanto, apertou o ritmo e foi para cima de Jake Dennis para tomar o terceiro lugar do piloto da Andretti. Lá na frente, Vergne também ativou o modo ataque e perdeu o primeiro lugar para Evans — neste momento, o líder era o único dos quatro primeiros sem a potência extra.

FE 2022, eP de Jacarta, Indonésia, sábado, Mercedes, Stoffel Vandoorne,Stoffel Vandoorne lutou até conseguir entrar no top-5 em Jacarta (Foto: Mercedes)

E a felicidade não durou muito para o piloto da Jaguar: Vergne aproveitou os 13% a mais de potência provenientes do modo de ataque e retomou o primeiro lugar. Mais atrás, Di Grassi seguia ganhando posições e já era o oitavo na 19ª volta, à frente também de De Vries e Buemi.

Neste momento, a configuração do top-10 era a seguinte: Vergne, Evans, Mortara, Da Costa, Wehrlein, Vandoorne, Dennis, Di Grassi, Lotterer e De Vries.

Líder do campeonato, Stoffel buscava recuperação após uma classificação atípica e conseguiu tomar o quinto lugar de Wehrlein no 22º giro — ainda anotou a volta mais rápida da prova naquele momento, com 1min09s819.

Uma volta depois, Mortara ativou o modo de ataque pela segunda e vez e perdeu o terceiro lugar para Da Costa, voltando à frente de Vandoorne. Evans também foi em busca da potência extra dois giros depois e levou vantagem sobre o suíço da Venturi, que não havia conseguido recuperar a terceira colocação de António até aquele momento e viu o neozelandês da Jaguar manter o segundo lugar.

Edoardo Mortara enfim conseguiu passar por Félix da Costa na 25ª volta, momento em que restavam pouco menos de 13 minutos e uma volta para o final da corrida. Em terceiro lugar, o companheiro de Lucas Di Grassi via apenas Vergne e Evans à sua frente, com a liderança da disputa para o francês — e o modo de ataque ainda ativado pelo neozelandês.

FE 2022, eP de Jacarta, Indonésia, sábado, DS Techeetah, Jean Éric Vergne, Mitch Evans, Jaguar,A briga entre Vergne e Evans pela vitória durou até o fim em Jacarta (Foto: Reprodução)

Dando sequência a uma temporada mediana, Nyck de Vries abandonou a disputa na volta 31 e deixou um lugar no top-10 para Sam Bird, que se manteve à frente de Buemi. Na briga pela ponta, Mitch Evans aproveitou melhor o traçado e foi para cima do líder Vergne para tomar o primeiro lugar com pouco mais de seis minutos para o final da corrida.

Na reta final da disputa, a briga pelo primeiro lugar parecia se resumir aos dois primeiros colocados. Evans fazia de tudo para manter a liderança — inclusive fritando os pneus —, enquanto Vergne seguia na caça ao neozelandês e apenas esperava por um erro para atacar.

Vergne se aproximou definitivamente no fim, quando ambos os pilotos lutavam para manter a bateria até o encerramento da corrida. Os dois tinham 3%, e Mortara apenas os seguia no terceiro lugar — com 1% a mais — esperando por um equívoco. No entanto, o erro não veio e o top-3 se manteve até o fim, confirmando a terceira vitória de Mitch Evans na temporada.

Fórmula E 2022, eP de Jacarta, Indonésia, Resultado Final:

1 M EVANS Jaguar 40 voltas  
2 J.E VERGNE DS Techeetah +0.733  
3 E MORTARA Venturi Mercedes +0.967  
4 A.F DA COSTA DS Techeetah +3.350  
5 S VANDOORNE Mercedes +4.038  
6 J DENNIS Andretti +4.635  
7 L DI GRASSI Venturi Mercedes +5.253  
8 P WEHRLEIN Porsche +8.191  
9 S BIRD Jaguar +13.348  
10 S BUEMI Nissan +14.766  
11 A LOTTERER Porsche +16.089 P+5s
12 O TURVEY NIO +20.922  
13 O ASKEW Andretti +23.020  
14 M GÜNTHER Nissan +25.184  
15 A SIMS Mahindra +29.520  
16 N CASSIDY Virgin Audi +29.873  
17 R FRIJNS Virgin Audi +30.854  
18 D TICKTUM NIO +31.827  
19 S. SETTE CÂMARA Dragon Penske +38.218  
20 A GIOVINAZZI Dragon Penske    
21 N DE VRIES Mercedes   NC
22 O ROWLAND Mahindra   NC

imagem04-06-2022-09-06-07

Paddockast #150: Pérez pode ser campeão da F1 2022? Como fazer para bater Verstappen? Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

Compartilhe isso:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.